3 de dezembro de 2010

O amor ? a o amor ...



Um sentimento tão único, tão puro, tão verdadeiro ...  Arrisco dizer até que ele é milagroso. Sim, cura doenças, destrói barreiras ou, até mesmo, ameniza a dor de ter perdido um outro amor. Amar é mágico. Nos dá a sensação de liberdade, de paz de espírito, de dever cumprido. Mas, uma vez sentindo o amor, uma vez amando alguém, tenha certeza de uma coisa: Você jamais irá deixar de amar essa pessoa, jamais. Você pode ter “saído da história” magoado, injustiçado, sofrendo e, jurar odiar esta pessoa eternamente, mas, não conseguirá. O máximo que conseguirá essa “façanha” será por alguns segundos, algumas horas ou, até mesmo por dias, mas, não para sempre. Quando ouvir a voz da pessoa, quando olhá-la nos olhos, quando tocá-la as mãos, verá que todo o ódio que pensou um dia sentir se foi por completo. E, somente o que restou foi o amor que estava “adormecido” no fundo de seu coração, bem quietinho, enquanto o ódio dominava, destruía o mesmo. O amor é como uma droga que, quando experimentado, não há como parar, jamais. Por isso ame, ame com todas suas forças e faça o possível para permanecer da mesma forma, com a mesma intensidade para todo o sempre .